top of page

Sugestão para a construção de mureta de proteção no Rio Morto.

As fortes chuvas sempre provocaram enormes transtornos à população das metrópoles, não obstante, esse tem sido ao longo de anos o mesmo cenário para quem reside ou trabalha no território das Vargens, porém, uma grata surpresa fez com que a ACIR tomasse mais uma iniciativa em prol do bem local.


Como é sabido, os esforços da ACIR na luta para a preservação do meio ambiente surtiram grande efeito e ecoaram na limpeza do canal de Sernambetiba (Rio Morto), conforme matéria de novembro de 2022, que você pode ler na íntegra aqui.


Como noticiado à época, cerca de 4,5 km de curso d’água passariam por tratamento, desde a extensão da Estrada Vereador Alceu de Carvalho, entre a Avenida das Américas e o deságue do Rio Morto no canal até os trechos do Rio Morto, ao longo da Estrada do Rio Morto e a Estrada dos Bandeirantes.


A grata e surpreendente descoberta ficou a cargo do muro natural de contenção que fora criado a partir da retirada de toneladas de resíduos durante o desassoreamento do canal. Observamos que as terras acumuladas às margens do Rio, que estavam à espera de sua retirada pela equipe que trabalha na dragagem, foi essencial para a criação de uma barreira que impediu - durante as fortes chuvas de janeiro - que a água do rio transbordasse provocando os constantes alagamentos no local.

Foto por Fátima Salles

Por conta dessa observação, entramos em contato com a

subprefeitura da Barra da Tijuca e sugerimos a construção de uma mureta de proteção, conforme demonstra a ilustração na imagem ao lado, da praia do Recreio.


Além de conter o avanço hídrico, também evita a queda de automóveis em dias de chuva, sem contar o auxílio na manutenção da fauna que vive por ali, pois é comum encontrarmos capivaras mortas em decorrência de atropelamentos na estrada.


Nossa sugestão está sob análise na subprefeitura da região e, tão logo tenhamos uma posição dos órgãos públicos, comunicaremos aos nossos associados e demais cidadãos que tem em nossos canais uma fonte de atualização.

28 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page